Gastropolítica: comer, lutar, resistir e viver.

O termo gastropolítica – usado para designar as dimensões políticas e socioculturais do ato de comer –, não é tão novo assim. Foi cunhado, em 1981, pelo antropólogo indiano Arjun Appadurai – conhecido por seus estudos sobre as dimensões culturais da globalização – em um estudo sobre o papel da comida na organização social noContinuar lendo “Gastropolítica: comer, lutar, resistir e viver.”

GOSTO, IDEOLOGIA E CONSUMO ALIMENTAR: PRÁTICAS E MUDANÇAS DISCURSIVAS SOBRE PLANTAS ALIMENTÍCIAS NÃO CONVENCIONAIS – PANC

A pesquisa explora o fenômeno da intensa midiatização das chamadas Plantas Alimentícias Não Convencionais (PANC) no cenário da gastronomia brasileira contemporânea, visando apontar e discutir movimentos de mudança nas práticas discursivas relacionadas à produção e consumo desses vegetais. Para tanto, elegeu um corpus constituído por um conjunto amplo e diversificado de textos midiáticos de diferentesContinuar lendo “GOSTO, IDEOLOGIA E CONSUMO ALIMENTAR: PRÁTICAS E MUDANÇAS DISCURSIVAS SOBRE PLANTAS ALIMENTÍCIAS NÃO CONVENCIONAIS – PANC”